João Cardoso quer cooperativas na coleta de resíduos em condomínios horizontais

Foto: Reprodução/TV Web CLDF

Deputado apresentou dispositivo para incluir as cooperativas de reciclagem na Lei 6.615/2020 que estabeleceu a coleta individual nos condomínios

Após elogiar o Serviço de Limpeza Urbana (SLU) pelo cumprimento da Lei 6.615/2020 que estabeleceu a coleta individual nos condomínios horizontais do Distrito Federal, o deputado João Cardoso (Avante), autor da norma, anunciou que apresentou para apreciação da Câmara Legislativa dispositivo para incluir as cooperativas de reciclagem nessas operações. O parlamentar que vinha cobrando do governo, desde o ano passado, a efetividade da lei, também relatou, na sessão remota desta quarta-feira (2), que a atividade será expandida para mais localidades com a assinatura de um termo aditivo, pelo SLU.

Segundo a lei, a coleta de resíduos sólidos deve ser feita no interior dos condomínios, por unidade imobiliária, pelas empresas contratadas pelo SLU para prestar esse tipo de serviço. “Nesse ínterim, percebemos que não estavam contempladas as cooperativas de reciclagem, que realizam um excelente trabalho”, afirmou Cardoso, lembrando o transcurso da Semana do Meio Ambiente. “E no próximo sábado, dia 5 de junho, comemoramos o Dia Nacional da Reciclagem”, completou.

Marco Túlio Alencar – Agência CLDF

Deixe sua resposta:

Escreva seu comentário
Seu nome