Porque a cidade do Itapoã é sempre deixada de lado por políticos do DF

Distrito Federal Política – Página 136 de 163 – EgNews

A falta de união entre lideranças, formadores de opinião e moradores da cidade do Itapoã, não param de trazer dificuldades para comunidade e é deixada para o segundo plano por políticos do DF.

Parlamentares que não conhecem a realidade da cidade, tendem a deixa-la em segundo plano, quanto se trata de ações que venham trazer o desenvolvimento para a cidade.

“A questão é que acerca de duas semana a CLDF por meio da Dep Jaqueline Silva ( Santa Maria) alterou a LDO enviada do executivo e incluiu 9 (nove) CTs e deixou o Itapoã de fora.. Lamentável tal atitude, pois temos muitos registro naquela casa para aprovação do segundo CT do Itapoã, e nem se quer fomos respeitado” Conselho Tutelar do Itapoã

Os componentes do Conselho Tutelar do Itapoã, vem buscando a cerca de dois anos o apoio do GDF e da CLDF para a criação do segundo Conselho Tutelar na Região do Itapoã – R.A XXVIII devido ao grande índice de violação de direito contra a criança e adolescente em virtude da extrema vulnerabilidade social e o grande índice de criminalidade.

A cidade do Itapoã cresceu muito, porém os dados populacionais se encontram desatualizado, hoje atingimos cerca de mais de 170 mil habitantes, fora os condomínios e área rural acrescidos na nova poligonal para a região do Itapoã. E não ficamos só nesses 170 mil habitantes pois esta previsto para os próximos anos (2021/2024) a entrega do ITAPOÃ PARQUE que terá um acréscimo de 50 mil pessoas segundo o próprio GDF.

Politica – Página 284 de 309 – EgNews

“Amigos(as) quero aqui compartilhar minha indignação a todos vocês, pois mais uma vez a comunidade do Itapoã sofreu um golpe, ou seja, em determinados quesitos somos deixados para segundo plano devido a interferência política de certos parlamentares da CLDF que NÃO conhecê a realidade da cidade”, Rogério Conselheiro tutelar do Itapoã

O descaso com a cidade do Itapoã é grande, eleitores são usados a cada quatro anos por políticos que NÃO tem compromisso com a cidade, exemplo disso foi o da proposta de implantação da Vila Olímpica no governo Arruda que infelizmente por força política foi levado para a cidade de São Sebastião e por a região não ter um parlamentar que realmente tenha coragem para defender e ter um olhar diferenciado para o Itapoã e Paranoá, com isso, os moradores tendem a engolir, e aceitando a construção de uma mini vila olímpica que é a praça da juventude que agora se chama praça dos direitos que atende uma pequena parte da população que tem seus equipamentos públicos comprometidos e insuficientes para atende a grande demanda da população por falta de apoio político.

Até quando a população do Paranoá e Itapoã vai ficar aguentando ISSO? pregunta que fica.

1 COMMENT

Deixe sua resposta:

Escreva seu comentário
Seu nome